Marcadores

TIRAS (598) HQ (141) INSPETOR (126) RESENHAS (111) CARTUM (38) LEXY DRIVER (19) LEITMOTIV (18) CONTOS (15) CINEMA (12) TEATRO (6) LEXY COMICS (5) ROTEIROS (4) ARTES PLÁSTICAS (3) FOTOS (2) PORTFÓLIO (2)

BOTÕES DE COMPRA

Comprar VIDA DE INSPETOR
Comprar LEITMOTIV

quarta-feira, 4 de junho de 2008

INIMIGO - Roteiro de curta

NOTA:Este roteiro é baseado num conto de Alexandre Ribeiro, e estasmo juntos filmando.Em breve, será lançado.

SEQ 1 -INT- CORREDOR -NOITE

Corredor sujo, úmido e escuro.ALEXANDRE caminha passo a passo,respirando fundo.Ele olha pra frente,concentrado.No final do corredor,INIMIGO está sentado no banco do corredor,montando o cubo mágico.
INIMIGO(EM OFF):Quem é o inimigo?
ALEXANDRE se aproxima passo a passo do INIMIGO.Vê a máscara dele,de perfil.Nas mãos,ele continua a montar o cubo.O INIMIGO pára de montar o cubo,vira lentamente o olhar para ALEXANDRE.Ele passa a segurar o cubo com apenas uma mão,e com a outra,começa a tirar a máscara.ALEXANDRE fica amedrontado.Uma música alta e estranha começa a ecoar.

SEQ 2 -INT -QUARTO -NOITE
ALEXANDRE acorda,levantando sobressaltado na cama.Ele olha ao redor,enquanto sua respiração se normaliza.Ele olha para as coisas no quarto.Olha pro relógio ao lado da cama,que marca 3:20.

SEQ 3 -COZINHA -NOITE
ALEXANDRE abre a porta da geladeira,pega ma garrafa d'água,e bebe um gole.Ao terminar o gole,ele fica olhando para dentro da geladeira.
VOZ EM OFF DO INIMIGO:Quem é o inimigo?

SEQ 4 -INT -QUARTO -AMANHECER
ALEXANDRE está na cama,quando o sol bate em seu rosto,acordando-o.A MÃE dele está abrindo as janelas,e tirando as roupas jogadas no chão,e colocando em cima da cama.
MÃE:Acorda,Alexandre!O sol já está no meio do céu.Pode ir levantando.Aproveita o dia lindo,e vai procurar um emprego.Que tal?Tenho certeza que é essa falta do que fazer que te deixa assim,o dia todo amuado.
ALEXANDRE só escuta,sem responder.A MÃE vai até ele,dá um beijo no rosto dele.
MÃE:Agora eu vou dormir,pois um turno da noite num hospital não é bolinho.A comida está na geladeria,é só colocar no microondas.Aproveite o dia!
Quando a mâe sai,ALEXANDRE pega um óculos escuros no criado mudo,e coloca.Ele olha para o Sol.Depois se levanta,e pega uma seringa na gaveta do criado mudo pra se drogar.

SEQ 5 -INT -SALA -NOITE
O telefone toca.ALEXANDRE atende.É FÀBIO,que o convida pra sair.
ALEXANDRE:Alô?
FÁBIO:E aí,cara!Tudo certo?A balada dessa noite ainda está de pé?
ALEXANDRE:Não sei...Não tô muito no clima pra nada...
FÁBIO:que é isso,cara!É por isso mesmo que é bom a gente se ver,a turma toda.A gente curte umas juntos.Quando a vida está nos deprimindo,que a gente precisa se unir pra levantar a moral um dos outros.A Lillith comprou umas cervas,como vocÊ nção quer sair,a gente bebe aí na sua casa.Beleza?

SEQ 6 -INT - QUARTO DE ALEXANDRE - NOITE
CLOSE em ALEXANDRE.
ALEXANDRE:Quem é o inimigo?
Os AMIGOS estão todos prestando atenção.Uns fumam,outros com copos de cerveja na mão.
AMIGO 1:Cara,que puta sonho bizarro!
FÁBIO:Esse sonho não é tão bizarro,assim.É até bem comum.Todos os seres humanos sonham um dia, até acordados fazemos isso.
ALEXANDRE:Concordo,mas esse foi tão real.Até o cheiro do lugar em que eu estava,está gravado no meu cérebro.Mas e a questão "Quem é o inimigo?"Eu mesmo nunca me fiz essa pergunta.Porquê isso é tão importante agora?
FÁBIO:Bem,eu entendo essa questão.É até bem simples,nada pra você ficar se preocupando.Todos nós temos que conhecer nosso inimigos,se quisermos derrotá-lo."A arte da guerra",do Sun Tzu,diz isso.Até mesmo Hitler seguia esse princípio,como ele escreveu no "Minha Luta".Voce precisa saber qeum é seu inimigo,pra derrotá-lo,só isso.
AMIGO 2:Beleza,gente.A conversa tá bem interessante,mas que tal se a gente mudasse desse assunto,pra este assunto aqui?
AMIGO 2 tira do bolso da jaqueta um pacotinho cheio de pó.Os outros ficam todos contentes,e alvoroçados.
FÁBIO:Cada um trouxe a sua seringa?
Todos riem.

SEQ 7 -INT - CASA DE ALEXANDRE - NOITE
Todos estão caídos pelo quarto.Alguns se picam.Outros já estão semi-inconscientes.ALEXANDRE está num canto,encostado na parede.Seu rosto sem espressão.Ele começa a fechar os olhos,sonolento.

SEQ 8 -INT - CORREDOR - NOITE
ALEXANDRE abre os olhos,e vê o corredor do seu sonho.Ele fecha os olhos novamente,e está no quarto com os amigos.Quando pisca novamente,está no corredor.A cada piscada ele muda de ambiente,entre o corredor e seu quarto.Ele fecha os olhos,apertando bem firme,e fica assim por um isntante.Quando abre,está no quarto .Os amigos dele estão espalhados pelo chão,curtindo a droga.A música que tocou no sonho dele toca novamente.
ALEXANDRE:Vocês estão ouvindo essa música?
Os amigos não respondem,só riem.ALEXANDRE se levanta,vai até o rádio,e desliga.A música continua.Ele tira o fio da tomada,mas a música continua.Ele começa a olhar para as paredes,o teto..(imagens em preto e branco).Ele se vira ,bravo pros amigos.
ALEXANDRE:Algum de vocês está ouvindo a porra dessa música?
Ele olha pra frente,e pára,,estarrecido.O INIMIGO está parado,olhando para ele,e montando o cubo nas mãos.ALEXANDRE começou a gritar pros amigos,mas todos eles estão caídos no chão,sem ouvir.ALEXANDRE tenta fugr,cai no chão,e rasteja até a janela.Ele tenta abrir a janela,não consegue.Toca o vidro,que fica com as marcas de sua mão.
ININIMIGO(Em off):Descobriu quem é o inimigo?
ALEXANDRE se vira paa o INIMIGO,em pânico.Depois pára um segundo,levemente lúcido,e olha para seus amigos,um por um.ALEXANDRE os observa com uma certa raiva.
INIMIGO:Descobriu quem é seu inimigo?
ALEXANDRE se vira para o INIMIGO,mas ele não está mais no quarto.ALEXANDRE se deita no chão em posição fetal,e começa a grunhir.Mãos começam a esbofeteá-lo.

SEQ 9 -INT -QUARTO -DIA
ALEXANDRE acorda assustado,com um tapa de sua mãe.
MÃE:Alexandre?O que aconteceu?O que você está fazendo,caído no chão?E por que toas as portas e janelas estão abertas?
ALEXANDRE vira o olhar para seu lado.A MÃE olha também.A seringa está caída ao lado dele.

SEQ 10 -IN -QUARTO -NOITE
ALEXANDRE cola um pedaço de papel na parede,onde está escrita a frase"quem é o inimigo?"Câmera abre,revelando todas as paredes do quarto com papéis com palavras coladas.PD em cada alguns dos papéis,com as palavras e frases:?Quem é o inimigo??Deus ?Câncer?Cigarro ?Família ?Armas ?Guerra ?Drogas? Entre outras palavras.ALEXANDRE começaa rodar pelo quarto,olhando para cada uma das palavras nos papéis.Sua mãe aparece na porta.
MÃE: Alexandre?
ALEXANDRE não dá atenção pra ela.Ela se aproxima dele,coloca as mãos nos ombros dele,como ele não oferece resistÇência,ela o abraça.
MÃE: Filho,pelo amor de Deus.Essa drogas estão deixando você louco.Pare com isso,por favor.Eu não quero perder meu filho.
ALEXANDRE abaixa a caabeça.
ALEXANDRE: Não se procupe,mãe.Eu vou procurar ajuda...

SEQ 11 -INT - SALA DE ESPERA DO PSIQUIATRA -NOITE
ALEXANDRE,com um sorriso vazio e assustado no rosto,espera ser chamado.A porta do consultório se abre, um rapaz com olhar engraçado e ar sorridente sai. Uma voz de dentro da sala o chama.
PSIQUIATRA: Alexandre!

SEQ12 -INT -SALA DO PSIQUIATRA -DIA
O PSIQUIATRA está sentado em sua poltrona.Ele aponta o divã pra ALEXANDRE.
PSIQUIATRA: Olá!Sente-se,e fique à vontade!
ALEXANDRE se senta,meio encabulado.
PSIQUIATRA:Tudo bem com você?
ALEXANDRE pára,olhando fixo pro PSIQUIATRA.
ALEXANDRE: Tudo bem.
PSIQUIATRA: Muito bem,me conte o seu problema.
ALEXANDRE conta seu problema pro PSIQUIATRA.Este faz uma cara de quem não leva o rapaz muito à sério.
PSIQUIATRA: Você usa alguma droga?
ALEXANDRE: Bem...Sim.Heroína.
PSIQUIATRA: (Suspiro)Bem,seu subconsciente de ve estar tentando lhe dizer algo.A resposta está nas imagens dos seus sonhos.Acho que hipnose seria omelhor método de tratá-lo.
ALEXANDRE: hipnose?Mas doutor,me diga.Quem deve ser essa pessoa que assombra meus sonhos?
O PSIQUIATRA olha ALEXANDRE de forma inquisidora,por cima dos óculos.
PSIQUIATRA: Bem,a hipnose vai lhe ajudar a fornacer a resposta.Vamos começar?

SEQ 13 -INT-SALA DO PSIQUIATRA -DIA
ALEXANDRE pega um comprimido nas mãos,e toma,enquanto o PSIQUIATRA vai lhe esxplicando o tratamento.
PSIQUIATRA: Este comprimido vai deixá-lo meio sonolento,pra você ficar mais sucetível à hipnose.
ALEXANDRE toma os comprimidos,e olha para o PSIQUIATRA.Este tem duas esferas nas mãos,e começa a bater uma na outra,enquanto continua falando.As palavras dele vão ficando mais distantes,diminuindo o volume.ALEXANDRE começa a cochilar.Ele desperta ao ouvir a voz.
PSIQUIATRA(em off): Quem é o inimigo?
ALEXANDRE fecha os olhos e se mexe no divâ,como se seus membros estivessem amarrados.
ALEXANDRE: Eu não sei,Doutor!Não sei!Saber pode me matar!
PSIQUIATRA(em off): Quem é o inimigo?
ALEXANDRE: A única pessoa que sabe é o ser dos meus sonhos!

SEQ 14 -INT -CORREDOR -NOITE
ALEXANDRE abre os olhos.Ele olha ao redor,não reconhece o lugar sujo e escuro.Ouve a voz do inimigo
INIMIGO(em off): Quem é o inimigo?
ALEXANDRE olha na direção da voz,e vê o INIMIGO,parado em pé,a poucos centímetros dele,com o cubo mágico em uma das mãos,e o olhando.Lentamente,oINIMIGO segura o cubo com as duas mãos,vira para o lado,e começa a tentar montá-lo.
INIMIGO: Olá garoto, estou tentando decifrar o enigma das cores desse brinquedo, sabe porque? Porque todos têm enigmas na vida a serem decifrados e às vezes quando conseguimos é tarde, o relógio nos enganou, e o tempo não retorna!
ALEXANDRE responde gritando.
ALEXANDRE: Quem é você? Quem é o inimigo? Você é o meu inimigo?
O INIMIGO continuava concentrado em montar o cubo,despreocupadamente.ALEXANDRE repete os gritos,até copmeçar a perder o fôlego.As batidas do coração de ALEXANDRE são ouvidas cada vez mais altas.O INIMIGO pára de montar o cubo e olha pra ele.
INIMIGO: Retorne garoto! Retorne garoto!
ALEXANDRE começa a agonizar de dor.
INIMIGO(em off): Retorne garoto!
ALEXANDRE fecha os olhos.

SEQ15 -INT SALA DO PSIQUIATRA -DIA
ALEXANDRE abre os olhos.Olha ao redor,ele está novamente na sala do PSIQUIATRA.
PSIQUIATRA: Encontrou a resposta que queria ,Garoto?
ALEXANDRE: Acho que sim.

SEQ 16 -INT SALA DO PSIQUIATRA -DIA
ALEXANDRE anda pelas ruas.Ele segura as roupas,e anda se esgueirando,tentando evitar passar perto das pessoas.Ao passar por uma esquina,ele vê com o canto do olho uma figura que parece o INIMIGO dos seus sonhos.Ele pára,e olha para o lado,mas vê apenas um homem de terno,conversando com outra pessoa.Ele olha ao redor,assustado,baixa a cabeça,e apressa o passo.

SEQ 17 -INT -QUARTO- DIA
ALEXANDRE entra no quarto,e se joga na cama.PD no relógio,marcando as horas.

SEQ 18- INT -QUARTO -NOITE.
ALEXANDRE Acorda.Ele pega o relõgio,vê as horas(já se passou 10 horas),e se levanta.

SEQ 19 -INT -QUARTO -NOITE
ALEXANDRE está na frente do computador,Ele está na internet pesuisando.Ele lê num site uma matéria sobre um livro,"TRAGA SEU SONHO PARA A VIDA REAL".PD em trechos do texto na tela do micro,com voz de ALEXANDRE em off.
"como entrar no sonho e se aproveitar da outra dimensão."
"como entrar no sonho com apenas as roupas e os objetos que estava no momento do sonho" "como reencarnar na dimensão do sonho com total controle."
ALEXANDRE sorri,satisfeito.

SEQ 20 -INT -SALA -DIA
ALEXANDRE está no telefone.
ALEXANDRE: Sim,eu gostaria de compar um exemplar,se o senhor tiver.(entusiasmado)O senhor tem?Puxa,que ótimo!E quanto custa?(um pouco decepcionado)Hã...Mas o senhor aceita uma troca por outros livros,não?Sim,eu vou levar algus livros que tenho,para o senhor analisar.(pausa)Posso passar aí agora mesmo.Em uma hora,eu chego aí.

SEQ 21 -INT -SEBO -DIA
AlEXANDRE entra no sebo.Ele cumprimenta o dono do sebo.O dono do sebo lhe indica o corredor,ALEXANDRE via até a prateleira.Ele procura o livro.Encontra.Ao retirar o livro da prateleira,ele vê a máscara do INIMIGO do outra lado do corredor.ele se assusta,e corre pro outro lado do corredor.Só havia um homem pesquisando as prateleiras.ALEXANDRE se acalma.Ele vai até o
balcão,pagar o livro.

SEQ 22- INT -QUARTO- DIA
ALEXANDRE está lendo o livro.Trechos do livro são mostrados,alternando com planos variados de ALEXANDRE lendo o livro.OS trechos do livro,na voz de ALEXANDRE,são narrados em off.
"como entrar no mundo dos sonhos e se comunicar com o que estava na outra dimensão".
"o que acontecesse no sonho, poderia afetar no mundo real, afinal de contas eram dois mundos paralelos."
NARRAÇÃO EM OFF: Pra entrar no mundo dos sonhos,é preciso seguir um pequeno ritual de preparação.
ALEXANDRE termina de ler,fecha o livro,toma alguns comprimidos pra dormir,e se deita na cama.
NARRAÇÃO EM OFF: O indivíduo deve estar totalmente descansado,após um repouso bem longo.

SEQ 23 -INT -QUIARTO -DIA
ALEXANDRE acorda.Olha as horas( 7:00 ).Ele sorri,e se levanta.
NARRAÇÃO EM OFF: No dia seguinte,deve despertar muito cedo.

SEQ 24-INT COZINHA- DIA
ALEXANDRE toma café.Ele se alimenta basicamente de frutas.
NARRAÇÃo em OFF: A alimentação deve ser moderada,e apenas com alimentos leves,e
naturais.

SEQ 25-EXT-RUAS DE PARANAPIACABA -DIA
ALEXANDRE passeia pelas ruas,observando as pessoas,os carros,etc.Planos variados dele passeando pela cidade,pelos vários pontos turísticos do lugar,etc.
NARRAÇÃO EM OFF: Durante o dia,o indivído deve passar em contato com a natureza,sem atividades que exigem sua concentração,sem música.
ALEXANDRE em frente uma barraca de vendedor de refrescos.o VENDEDOR lhe oferece um refrigerante em lata,ele nega,e compra um suco.
NARRAÇÃO EM OFF: Não deve ingerir álcool,nem qualquer outro produto quimico.

SEQ 26-INT - QUARTO - NOITE
ALEXANDRE entra no quarto,calça um par de botas,pega seu revólver,coloca na cintura,e se deita.Ele respira fundo,e fecha os olhos.Adormece.
NARRAÇÃO em OFF: Após ter relaxado tanto o corpo quanto a mente,deve se preparar com a vestimenta desejada ,e dormir,tendo em mente o lcal em que deseja estar no sonho.

SEQ 27- INT -CORREDOR DO SONHO -NOITE
ALEXANDRE abre os olhos.Ele está no corredor sujo.Ele se levanta do chão,e observa ao redor.Ele começa a andar pelo corredor,até chegar onde está o INIMIGO,sentado num banco no fim do corredor,montando o cubo mágico.ALEXANDRE se aproxima dele,e fica um tempo parado,sem dizer nem fazer nada.O INIMIGO fala,sem virar o rosto nem parar de tentar montar o cubo.
INIMIGO: Hoje você descobrirá o que tanto deseja saber!
ALEXANDRE: Quem é você? Perguntei.
INIMIGO: Seu pior inimigo! Respondeu ele.
ALEXANDRE(gritando): Tire a máscara, preciso saber quem é você! Porque me atormenta! Porque está me perseguindo?
INIMIGO: Descubra você mesmo, afinal de contas estou aqui para te libertar, somente você pode ter a resposta de quem pode ser seu pior inimigo, quem não conhece o inimigo, nunca conhecerá o significado da palavra vitória! Tenha cautela no que faz ultimamente você está sendo o maior idiota para consigo mesmo!
ALEXANDRE ataca o INIMIGO,dando um soco nele.O INIMIGO cai no chão.O cubo cai da mão dele,rolando pelo chão.O INIMIGO se levanta calmamente.Se vira pra ALEXANDRE
INIMIGO:Acho que vou te perseguir toda sua vida! Seu tormento será minha paz!
ALEXANDRE( gritando enraivecido): Você perdeu, agora eu estou no comando!
ALEXANDRE tira o revólver da cintuira e aponta pro INIMIGO.Este fica olhando pra ALEXANDRE,sem se importar com a arma.
INIMIGO: Você está no comando, mas Eu é que faço as regras!
ALEXANDRE,sem hesitar,atira no peito do INIMIGO,que cai no chão.ALEXANDRE espera,enquanto o INIMIGO se debate no chão.Quando ele para de se debater,ALEXANDRE se aproxima dele,se avbaixa,e tira sua máscara.Ele se afasta,assustado.Cai sentado no chão,e se arrasta até a parede.
ALEXANDRE: Não!Não!Não pode ser!
O rosto atrás da máscara é o dele próprio.ALEXANDRE tem uns flashes:
-INIMIGO falando para ele: Você está no comando, mas Eu que faço as regras!
-ALEXANDRE lendo o livro: O que fazer nos sonhos poderá afetar na vida real!
-Tenha cautela no que faz!
–ALEXANDRE se picando com heroína.
-ALEXANDRE bebendo.
ALEXANDRE está caído no chão do corredor,encostado à parede.
ALEXANDRE(balbuciando): Eu sou meu pior inimigo...
ALEXANDRE faz uma cara de dor,e coloca a mão no peito.Ele olha a mão que está coberta de sangue.em pânico,ele olha pro seu peito,que está sangrando.Ele se encosta ainda mais na parede.
ALEXANDRE: Não!Não!Isso,não!Eu não queria!
ALEXANDRE Eolha pro cubo ao seu lado,e estuica o braço,tentanto pegá-lo.o braço pára antes de alcançar o cubo.

SEQ 28- INT -QUARTO -NOITE
ALEXANDRE,deitado na cama,a arma na mão,e o peito sangrando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário